Michaela Iacoe
Sentimentos, Poesias, Cronicas
Textos
Roupa suja lava-se em casa
Roupa suja lava-se em casa,
Mas há quem o faça na rua,
Ao usar a palavra mais rasa,
Para gritar a verdade sua.

Diante de grande falcatrua,
Esquece-se a língua em brasa:
Roupa suja lava-se em casa
Mas há quem o faça na rua!

Como uma torneira que vasa,
Ou tal barulhenta cacatua,
Em um rodopio da saia e asa,
Esquentada não sabe a “perua”:
Roupa suja lava-se em casa!
Michaela Iacoe
Enviado por Michaela Iacoe em 27/05/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras