Michaela Iacoe
Sentimentos, Poesias, Cronicas
Textos
Adentro
Dentro, muito dentro de mim,
Vagueio entre sombras do que fui.
Explicam porque sou assim;
Porque volta e meia tudo rui.

Explicam como a lua influi
Em minha escuridão sem fim.
Vagueio entre sombras do que fui:
Dentro, muito dentro de mim.

Porque volta e meia não é sim...
Penso: Independe quem argúi,
Eu adentro desde onde vim!
Vagueio entre sombras do que fui...
Dentro, muito dentro de mim.

Michaela Iacoe
Enviado por Michaela Iacoe em 08/08/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras