Michaela Iacoe
Sentimentos, Poesias, Cronicas
Textos
Alma Gêmea

O timbre da tua voz que penetrou meu ouvido e fecunda meu coração...
Um segundo fugidio de olhares que se encontram,
Pois nossas almas fundidas já ascendem na velocidade da luz e nossa essência
É o perfume que paira por este templo e germina de coração em coração,.
Nosso encontro de corpos faz vibrar um Tambor sagrado
Que desperta hibernados corações, medrosos e sedentos da primavera
Eu te velo no botão de rosa e somos o broto de orquídea que desponta tímido
Perdoamos um ao outro, o passado e a nós mesmos...
O teu sopro sobre minhas mãos é a orquestra dos ventos enamorados
É minha dança pra te seduzir
É o seu render-se em meus braços. Você está esperando o que?
São meus músculos que te abraçam e protegem e é teu afago em meus cabelos...
Testa com testa nos fundimos de perto ou de longe...
Não ousamos questionar!
Observa os sedentos que se saciam no Rio que flui do nosso amor!
Faz brotar mais... Jorra como chuva de verão sobre suas cabeças...
Você sorri pra mim e somos espelhos um do outro.
Somos molécula endoidecida de êxtase,
Nota musical afinada que flecha os corações e racha as cascas...
Cura que escorreu e fertiliza a terra.
E juntos deslocamo-nos rumo ao infinito mar onde nada somos e tudo somos,
Para então reiniciarmos tudo de novo!
Michaela Iacoe
Enviado por Michaela Iacoe em 04/03/2020
Alterado em 04/03/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários
Site do Escritor criado por Recanto das Letras